Instagram Feed

ubcmusica

No

cias

Notícias

Feiras e conferências: alguns eventos já confirmados para este ano
Publicado em 06/02/2024

Cada vez mais frequentes, encontros de mercado promovem debates sobre as tendências e ajudam a educar e capacitar profissionais

Por Luciano Matos, de Salvador

Conferência do Music Trends Brasil: proliferação de eventos. Divulgação

Digitalização, criação por inteligência artificial: o mercado vive enormes transformações nos últimos anos. Como acompanhá-las? Como chegar ao público? Como se articular num universo pulverizado com muita informação e tantas possibilidades? Não há fórmulas ou respostas fáceis, mas feiras e conferências têm se mostrado como um dos modos de artistas, produtores e agentes da música entenderem esse mercado e buscarem soluções e caminhos para seus trabalhos.

No Brasil, os últimos anos viram uma proliferação de eventos de esse tipo. Reunimos aqui os principais já confirmados para este 2024.

Voltadas para o mercado e frequentadas por produtores, empresários, jornalistas e artistas, elas trazem discussões sobre os rumos do mercado, rodadas de negócios, oficinas e atividades de troca de informação, conhecimento e experiência. Cada uma possui sua característica, umas com maior foco nas conferências, outras nas rodadas de negócios, showcases para compradores ou em estandes com produtos e serviços. Em comum, um atrativo para artistas e empresários mostrarem seus trabalhos para profissionais responsáveis por festivais, casas de shows, gravadoras do Brasil e do exterior.

Primeiro semestre

As primeiras feiras já aconteceram neste começo do ano, como a Mais 55 (instagram.com/mais55feira), feira paralela do festival Universo Spanta, no Rio de Janeiro. Ocorrido entre os 24 e 26 de janeiro, o evento reuniu alguns dos principais players da indústria da música em painéis bem variados.

“Tivemos o cuidado de pensar na abrangência dos temas, desde a bossa nova à Nova MPB, passando por direitos autorais e tecnologias de áudio, como Dolby Atmos. Trouxemos grandes nomes da música para se apresentarem em shows únicos e especiais. Tudo com o propósito de promover cada vez mais a música brasileira", comentou Monica Brandão, curadora artística da Mais 55. 

Naquela mesma semana de janeiro ocorreu a Brasil Music Summit (bma.org.br/bms), em São Paulo. A BMS 2024 é uma plataforma para conexões e encontro de profissionais da indústria, empresário, artistas e entusiastas da música do mercado nacional e internacional. A programação incluiu speed meetings, sessões de networking e showcases. Nesta edição, os artistas e bandas selecionadas foram Luisa e os Alquimistas, Samuca e a Selva, Bruno Capinan, Funmilayo Afrobeat Orquestra, Ricardo Herz e Vanille Goovaerts, Vanessa Moreno & Salomão Soares, Jota P & Grupo e o grupo Höröyá.

Fevereiro abriu com a Porto Musical (portomusical.com.br), uma das principais conferências do país que acontece a cada dois anos em Recife. Realizado, desde 2005, o evento tem o objetivo de capacitar e informar profissionais do mercado da música. A programação incluiu conferências, pitchings, imersões, oficinas, fóruns e showcases, em plena semana pré-carnavalesca.

Uma das características do Porto é a presença de programadores de festivais de várias do mundo. Neste ano, por exemplo, houve uma delegação de dez representantes de festivais canadenses, além de representantes do renomado festival europeu Womad - World of Music, Arts and Dan. Outra marca é o projeto ‘Porto Visita’, que desde 2018 se empenha em descentralizar formações e discussões, levando a capacitação musical diretamente às comunidades do Recife. A programação de 2024 incluiu shows de nomes como Karina Buhr, Cátia de França, Iuna Falcão, Luiz Lins, Uana e o grupo de afro-soul Jembaa Groove.

Com uma pausa para o período carnavalesco, o calendário voltará com força em abril, quando ocorrerá a Trends Brasil Conference, que terá sua edição de São Paulo realizada entre os dias 17 e 20 na capital. Com a proposta de promover o encontro e o diálogo dos agentes do negócio da música e com foco no mercado independente, o evento cresceu este ano. Agora serão quatro dias de atividades, sendo um deles dedicado inteiramente à produção de música para o audiovisual. A conferência terá espaços para networking e rodadas de negócios, além de shows.

A edição carioca, a nona em sua história, está marcada para acontecer de 22 a 26 de outubro. Ela também foi estendida, com dois dias a mais e conteúdo focado em novas tecnologias, tendências, cases da indústria global e participação estrangeira.

No mês de maio, dois importantes eventos já estão confirmados. De 26 a 30 maio, na capital paulista, será realizada mais uma edição da SIM São Paulo (instagram.com/simsaopaulo), um dos principais encontros de música do país. Recebendo milhares de profissionais do Brasil e do exterior, a conferência é uma verdadeira imersão no universo da música, com debates, mesas redondas, speed meetings, rodadas de negócios, show cases, estandes e diversos shows pelas casas de shows da cidade.

Uma das mais resistentes e duradouras do formato, a Feira de Música (instagram.com/feiradamusicace), em Fortaleza, ainda não tem dias específicos definidos, mas está confirmada para maio. Em 2024, realiza sua 20ª edição, mantendo a proposta de funcionar como pólo de discussão, divulgação e intercâmbio da produção musical, da indústria fonográfica e das mais diversas áreas que compõem o mercado musical.

Também em maio, em Salvador, deve acontecer o Zona Mundi (zonamundi.com.br), um circuito integrado de música, cultura e arte eletrônica que este ano deve incorporar painéis, networking e compartilhamento de tecnologia. O evento deve receber dois ou três dias de shows, com ações de networking, painéis e hacks, espaços de compartilhamento de tecnologia entre espaços, festivais e circuitos.

O mês de junho vai concentrar outros dois eventos. O primeiro é o RIO2C 2024 (rio2c.com), que, se não é exatamente focado na música, é uma ótima oportunidade para diálogo com profissionais e empresas da indústria criativa em geral. Marcado este ano para acontecer de 4 a 9 de junho, na Cidade das Artes, no Rio de Janeiro, o evento deve reunir mais de 40 mil profissionais em seus seis dias que participam de diversas atividades. Dentre elas, apresentações e painéis abordando as principais temáticas da indústria criativa com alguns dos maiores nomes do mercado. Tem ainda rodadas de negócios e pitchings, um espaço para conexão de empresas e profissionais da indústria criativa, além de oficinas, workshops e masterclasses sobre o futuro da indústria.

Entre os dias 7 e 10 de agosto, é a vez do Formemus (formemus.com.br), que realiza sua 6ª edição. Mistura de conferência e festival musical, acontece em Vila Velha (ES), dezenas de convidados vindos de vários cantos do país reunidos em palestras, painéis, pitching musical, showcases, rodada de negócios, mostras fotográficas e de videoclipes, e encerramento musical.

Segundo semestre

O Música Mundo (musicamundo.com.br) deve voltar a acontecer depois de uma pausa em 2023. Realizado em Belo Horizonte, como um encontro internacional de música e negócio, o evento ainda não tem data definida, mas será realizada em setembro ou novembro. A programação inclui agenda de relacionamento e negócios, para empreendedores da música; shows musicais e cursos com conteúdos de formação.

Já confirmado para novembro, em Florianópolis (SC), o Tum Festival (tumfestival.com.br) realiza sua sétima edição de 7 a 10 de novembro. Misto de festival e conferência de música, inovação e economia criativa, promove mais de 100 atividades entre shows, showcases, palestras, workshops e rodadas de negócios. Com a proposta de promover conexões e fomento do ecossistema musical e de redes criativas, o Tum leva para um mesmo espaço parte da indústria musical do país e de 10 países, como programadores culturais, curadores de festivais, selos, editoras, gravadoras e artistas.

A última feira do ano deve ser mais uma vez a MATE - Música, Arte, Tecnologia e Educação (matefestival.com/mate-brasil), em Porto Alegre/ RS, que acontecerá entre 5 e 8 de dezembro. Com uma programação que inclui palestras, painéis, rodadas de negócios, pitchings e showcases, o evento é um grande encontro internacional de música e economia criativa com foco no mercado independente.

Algumas feiras/ conferências ainda estão incertas ou com indefinição se vão acontecer em 2024, como a Brazil Music Conference, em São Paulo; a Febre, em Sorocaba (SP); e o Digitália, em Salvador. Realizada pela ABMI (Asociação Brasileira de Música Independente), a Rio Music Market (riomusicmarket.com.br), no Rio de Janeiro, está confirmada, mas ainda sem data definida.

Feiras internacionais

Na mesma lógica que os eventos brasileiros, as feiras e conferências internacionais são ótimos espaços para vitrine para quem se interessa por mercado internacionais ou para ampliar os conhecimentos e o network. Entre eles, estão o Midem, o Womex e o South by Southwest.

O Midem (midem.com), considerado o maior encontro mundial de empresas ligadas à música, já acontece agora em janeiro, entre os dias 24 a 27, em Cannes, na França, onde é realizado anualmente. O evento é um fórum para conversas de negócios, discussões políticas e jurídicas e funciona também como uma plataforma para apresentar novos artistas, tendências musicais e produtos e serviços relacionados à música.

Em março, é a vez do South by Southwest, o SXSW (sxsw.com), que acontece em Austin, Texas, nos Estados Unidos. O evento é um conglomerado anual de filmes, mídia interativa e festivais e conferências de música organizados conjuntamente que ocorrem em diversos espaços da cidade. Este ano, a programação começa no dia 8 e vai até o dia 16, mas o SXSW Music Festival acontece de 11 a 16, com artistas novos, em desenvolvimento e estabelecidos aprimorando suas carreiras e alcançando novos públicos e participantes.

Em Bogotá, Colômbia, acontece, de 8 a 11 de maio, o Bime (bime.org), um encontro anual que promove workshops, palestras, shows e atividades culturais relacionadas à indústria musical. São mais de 2 mil participantes, entre artistas, produtores, start-ups, estudantes e empresários.

De 1 a 8 de junho, acontece o Canadian Music Week (cmw.net), conferência anual de música e mídia que acontece em Toronto, no Canadá. O evento busca estimular a troca de inteligência de mercado, ampliar o diálogo e proporcionar oportunidades de networking, recebendo cerca de 3 mil profissionais da indústria musical de todo mundo.

Em setembro, de 1º a 7, na Cidade do Cabo, na África do Sul, acontece o Muziki África, um espaço de encontro de profissionais da indústria da música que busca conectar a África ao mundo através da música. Reunindo gravadoras, editoras, artistas, startups, desenvolvedores. big techs e agências, por lá são promovidas palestras, mesas redondas, masterclasses e workshops.

Projeto internacional de apoio e desenvolvimento de world music, a WOMEX, abreviação de Worldwide Music Expo (womex.com), realiza sua 30ª edição este ano, em Manchester, Reino Unido, entre 23 e 27 de outubro. A convenção internacional de música integra feiras, showcases, conferências, exibições de filmes, sessões de networking e premiações. Um grande espaço de encontros e oportunidades de conexões entre programadores de festivais, produtores, diretores de centros culturais, músicos e gravadoras. Ao longo dos cinco dias, o evento recebe cerca 60 artistas em ‘show case' com um público estimado em 2.500 profissionais.

Há diversas outras oportunidades pelo mundo, com perfis, formatos e focos diferentes. Mais alguns quem destacamos é o Jazzahead! (jazzahead.de), 11 a 13 de abril, na Alemanha; Le Printemps de Bourges (printemps-bourges.com), de 23 a 28 de abril, na França; The Great Escape (greatescapefestival.com), 15 a 18 de maio, no Reino Unido; BOmm (bogotamusicmarket.com), de 9 a 13 de setembro, em Bogotá; Reeperbahn Festival (reeperbahnfestival.com), 18 a 21 de setembro, também na Alemanha; além do Visa for Music, no Marrocos, ainda sem data anunciada.

 

PRÓXIMAS FEIRAS CONFIRMADAS

Trends Brasil Conference (trendsbrasilconference.com.br)
17 a 20 de abril - São Paulo, SP
22 a 26 de outubro - Rio de Janeiro, RJ

SIM SP (https://www.instagram.com/simsaopaulo/)
26 a 30 maio 2024
São Paulo, SP

Feira de Música de Fortaleza (instagram.com/feiradamusicace/)
Maio
Fortaleza, CE

RIO2C 2024 (rio2c.com)
4 a 9 de junho
Cidade das Artes - Avenida das Américas - Rio de Janeiro, RJ
https://www.sympla.com.br/evento/rio2c-2024-creator/1957120

Formemus (formemus.com.br)
7 e 10 de agosto
Vila Velha, ES

Música Mundo (musicamundo.com.br)
setembro ou novembro
Belo Horizonte, MG

Tum Festival (tumfestival.com.br)

07 a 10 de novembro
Florianópolis, SC

Mate (instagram.com/mate_americadosul)
5 a 8 de dezembro
Porto Alegre, RS

 

LEIA MAIS: Rio2C abre inscrições para pitching show e rodada de negócios de música

LEIA MAIS: Por que gigantes do mercado musical estão demitindo milhares?


 

 



Voltar