No

cias

Notícias

4 dicas para transformar views no TikTok em streams no Spotify
Publicado em 28/06/2021

Imagem da notícia

Duas especialistas em mídias digitais ensinam a tirar proveito da plataforma

Por Fabiane Pereira, do Rio

O TikTok é a rede social mais popular do momento, ultrapassando o Facebook e o Instagram em downloads nas lojas virtuais. Embora o número de usuários ainda não seja maior que o do FB, o engajamento da rede é incomparável e aumenta a cada dia, isso porque a produção de vídeos curtos é tendência entre o público jovem. Além de ajudarem a  viralizar uma canção, as centenas de milhares de visualizações dos conteúdos subidos a essa plataforma todos os dias podem ser transformados em audições nas plataformas de streaming com o Spotify, aumentando as receitas dos artistas da música.

Conversamos com Julie Steffanine (gerente de selos da agregadora digital Altafonte) e Marina Mattoso (especialista em mídias sociais), duas craques no assunto, para entender como fazer essa conversão. E elas deram quatro boas dicas:

1. Utilize o áudio da música como áudio do vídeo

Isto por si já garantirá que as pessoas conheçam a faixa original e possam buscá-la no streaming. Mas também é possível linkar a canção a informações importantes sobre ela. “As pessoas têm a tendência de clicar no áudio do vídeo para saber qual é a música que está tocando e obter mais informações sobre o artista. No momento do clique, elas são direcionadas à página referente a todos os vídeos feitos com aquela música, engajando mais o usuário da plataforma com a faixa e com os artistas relacionados”, ensina Julie Steffanine.

2. Mantenha um perfil verificado e atualizado no TikTok

Segundo Marina Mattoso, o artista deve preencher todas as informações no espaço destinado à biografia, cuidando para que sempre estejam os links para outras redes, sobretudo para as plataformas de streaming onde estão suas músicas. Assim, é óbvio que um fã ou um usuário aleatório que caia ali poderá ser direcionado aos aplicativos onde a execução rende mais, como Spotify, Apple Music, Deezer e outros.

3. Certifique-se de que a música é distribuída corretamente

Marina lembra que a música deve estar sendo corretamente distribuída por uma agregadora digital no TikTok: “Confirme que a faixa esteja vinculada ao seu perfil e que seu perfil seja verificado.” Assim, é mais fácil ter seu nome associado àquela canção. Além disso, crie conteúdos vinculados às faixas que lançar, para que elas sejam classificadas pelo algoritmo como um conteúdo original seu.

4. Tenha um perfil atuante e trabalhe suas músicas

Para Julie, o ideal é alimentar seu perfil com pelo menos três novos vídeos por semana. O algoritmo do TikTok premia a grande participação, e o seu vídeo aparecerá na timeline de mais usuários, o que, por si só, ajudará a difundir a sua canção. Melhor ainda é participar dos desafios e fazer vídeos que utilizem a linguagem do TikTok. Um toque de humor, uma supresa, uma montagem esperta, uma edição ágil: tudo isso ajuda muito. Cair nas graças do público e acabar virando viral, com novos vídeos produzidos por outros usuários tendo a sua música como tema é o Santo Graal do TikTok e, certamente, se traduzirá em mais streams em plataformas como o Spotify. “Não é preciso fazer dancinhas, mas é interessante que o artista faça uso dos vídeos para mostrar interpretações criativas da música, instigando os usuários a reproduzirem as ações. Assim, além de envolver as pessoas com a música, o artista pode ampliar sua divulgação para públicos diversos”, conclui Steffanine.

LEIA MAIS: Estratégias para profissionais da música nas plataformas online: TikTok


 

 



Voltar