No

cias

Notícias

UBC ganha reforço no cadastro de fonogramas e de trilhas sonoras
Publicado em 21/02/2017

Imagem da notícia

Com o crescimento no setor audiovisual e a vinda de grandes gravadoras para o quadro de sócios, a UBC cria departamento especializados

Novo departamento de Direitos Conexos
Com a chegada de grandes gravadoras como Warner e Sony, em dezembro de 2016, criamos o departamento de Direitos Conexos em janeiro de 2017. Para quem não sabe, os direitos conexos são vizinhos aos direitos autorais e remuneram intérpretes, músicos e produtores fonográficos. 

O novo departamento é especializado na manutenção e administração de novos e velhos cadastros. Com isso, as grandes gravadoras e os produtores independentes agora contam com mais agilidade no processo de cadastro, na resolução de possíveis conflitos de informações e na liberação de créditos retidos.

Também foram realizados investimentos em tecnologia para receber de forma prática e ágil os registros de fonogramas enviados pelas grandes gravadoras, beneficiando também os artistas participantes dessas gravações.

Núcleos de TV e Audiovisual
É notável nos últimos anos o crescimento da produção cinematográfica no país e o aumento na produção independente de conteúdo para TV aberta e assinatura. Para que as músicas das trilhas sonoras de filmes, séries e desenhos animados recebam seus direitos, é necessário o cadastro da ficha técnica do filme.

Focada em atender esta demanda e na valorização dos produtores de obra original, a UBC conta desde 2014 com os núcleos de TV e Audiovisual. Nossos colaboradores trabalham na pesquisa de filmes e séries em cartaz no cinema e na TV para garantir o cadastro correto das trilhas sonoras produzidas ou criadas por nossos associados.

Esse processo reduz as chances dos créditos ficarem retidos por falta de informação e otimiza a distribuição dos direitos autorais de nossos associados. 
 

Se você possui músicas que fazem parte de trilhas sonoras, nos informe aqui.
Acesse nosso Guia de Música em Audiovisual e saiba mais.
Clique aqui e saiba como se afiliar.


 

 



Voltar