No

cias

Notícias

Serviços digitais arrecadam R$ 184,5 milhões de execução pública em 2020
Publicado em: 08/02/2021

Imagem da notícia

Streaming on-demand e demais usos de canções na internet crescem 41,2% em relação a 2019 e ajudam a aliviar as perdas pela paralisação do mercado de shows e eventos

Do Rio

Num momento de paralisia do mercado de shows e eventos — sem uma perspectiva clara de retomada por ora —, o segmento de serviços digitais (streaming, transmissão simultânea de shows pela internet, retransmissão de rádios online e outros) ganha protagonismo. Em 2020, esse tipo de usos de canções somou R$ 184,5 milhões em execução pública, recorde histórico e um aumento de 41,2% em relação aos R$ 130,7 milhões de 2019. Só em dezembro passado, o valor arrecadado foi de R$ 9,1 milhões.

O bom desempenho se deve principalmente aos vários acordos que o Ecad vem celebrando com plataformas de streaming e ao aumento exponencial na base de usuários desses serviços. A distribuição dos valores referentes a essas modalidades ocorre em janeiro (internet simulcasting), fevereiro (streaming), abril (internet simulcasting), maio (streaming), junho (internet demais usos), julho (internet simulcasting), agosto (streaming), outubro (internet simulcasting), novembro (streaming) e dezembro (internet demais usos).

LEIA MAIS: O calendário completo de distribuição do Ecad

Grande parte das plataformas de streaming de áudio e vídeo que operam no Brasil já é adimplente, ou seja, realiza os pagamentos pelo uso das canções regularmente. E algumas continuam em negociação. 

Serviços Adimplentes

Algar Vid+

Amazon Music

Amazon Video

Apple Music 

Apple TV+ 

Bigop.tv

Deezer 

Facebook

Geotv

Globoplay (Telecine Play, Gshow)

Instagram

Microsoft Movies and TV 

Mumo

Napster 

Naradio

Netflix 

Playnetwork

Resso

Spotify

Superplayer

Starmaker

Vagalume FM

YouTube

 

O Ecad e as associações que o compõem negociam com todas as outras em atividade no Brasil, em diferentes estágios.

 

LEIA MAIS: Seis formas para bombar o lançamento da sua música nas plataformas digitais

 

 


 

 



Voltar