No

cias

Notícias

Aplicativo Twitch segue em alta em 2021, segundo estudo do Sensor Tower
Publicado em 13/05/2021

Imagem da notícia

A plataforma ultrapassou 22 milhões de downloads em todo o mundo no primeiro trimestre de 2021 e continua conquistando o mundo da música.

Do Rio

Mesmo sem superar os recordes de aumento de downloads e usuários de 2020, o aplicativo de transmissão ao vivo, Twitch, mantém sua popularidade em 2021. No ano passado, segundo um estudo da Sensor Tower Store Intelligence, a plataforma obteve aproximadamente 80,6 milhões de instalações globais, um aumento de 134% em relação aos 34,5 milhões em 2019. Já no primeiro trimestre de 2021, o app foi baixado 22 milhões de vezes globalmente. Isso representa um aumento de 62% comparado ao mesmo período do ano anterior, quando o aplicativo foi baixado 13,6 milhões de vezes.

Mas a plataforma de transmissão ao vivo de propriedade da Amazon não segue em ascensão apenas pelo número de instalações. A quantidade de usuários ativos continua em crescimento. Em março deste ano, o app conquistou um aumento de 69% no seu MAU (Monthly Active Users) comparado ao mesmo período de 2020.

Segundo a Sensor Tower, o aplicativo de livestream permanece como uma forte plataforma, porque a audiência segue utilizando dispositivos móveis como a principal forma de entretenimento durante a pandemia de COVID-19.

A Twitch, que surgiu em 2005, conquistou o mundo dos gamers e se tornou a principal plataforma de streaming de jogos. O Brasil é a segunda maior audiência do app, ficando atrás somente dos EUA. Além disso, o software também é líder no mercado de live streaming  por aqui, com 62% de toda a audiência do segmento no país.

Embora o Twitch tenha conquistado pioneiramente o mundo dos gamers, a música já é realidade na plataforma. Em novembro de 2020, o vice-presidente e chefe de música do Twitch, Tracy Chan, twittou que "A música não é mais um jogo no Twitch, é uma categoria totalmente desenvolvida!" No mês seguinte, o aplicativo lançou um diretório personalizado dentro da plataforma, chamado Music Directory para performances, produções musicais e eventos ao vivo.

Com a popularidade e o crescimento cada vez maior de músicos no aplicativo, a Twitch foi pressionada por detentores de direitos autorais para definir regras sobre o uso de fonogramas de acordo com a  Lei dos Direitos Autorais do Milênio Digital (DMCA).

Além disso, o aplicativo desenvolveu um software para fazer a exclusão em massa de clipes não autorizados. A plataforma também pretende se desenvolver ainda mais tecnologicamente para fazer a detecção de áudios protegidos por direitos autorais. O objetivo principal não é fazer a exclusão em massa de conteúdos irregulares, mas fornecer alternativas para corrigir o conteúdo para que o problema aconteça cada vez com menos frequência. 


 

 



Voltar